BREAKING NEWS

Romantismo Idiota

Coisas hão de mudar... Feridas hão de sarar.
Eu hei de ser feliz.
Sem você... Sem ninguém.
(Impossibilidades - Fresno)

A medida em que minha auto constatação moral sobre as pessoas aumenta, de maneira significativamente idiota, eu penso no quanto sou fraco ao julgar as pessoas, eu as julgo sem pensar se talvez elas estejam fingindo tanto quanto eu. Não sou uma boa pessoa, já repeti isso milhares de vezes, cometi erros que até hoje não sou capaz de perdoar ao relembrá-los, mas sei que em todos os meus dias que vivi até agora, eu tive a completa ausência do meu ser, e foi isso que as pessoas tiraram de mim.

Não choro mais, nem diante das dores que eu mesmo causo a mim e ainda acredito que um simples band-aid irá melhorá-las, mas isso não está estampado em meu braço que insisto em cobrir, está em minha alma, escurecendo a cada pedaço que tomo dela... não dói mais do que estar vivo, dói menos que uma lágrima escorrendo em meu coração... e foi lá que guardei minha vida, e a vivo toda vez que me deito nos braços da ilusão, que me fode de uma maneira interessante... um tanto quanto prazerosa, pois não reclamo de estar sendo massacrado pela maior dor que poderia sentir em toda a minha vida... o Amor.

E digo coisas sem sentido, mas o sentido que tudo têm para mim é que não faz sentido, queria ter um bom motivo para estar vivendo neste exato momento, e é justamente a falta de motivos que me faz viver, buscando esse tal motivo... algo que me faça sentir alegria, queria gostar de estar vivo, de caminhar e sorrir o tempo todo. E as pessoas me dizem que talvez eu esteja aumentando 15 anos a mais do que posso viver até agora... eu digo que tenho apenas 16, mas talvez já tenha vivido o suficiente para uma vida... triste.

Queria saber o que aconteceria assim que minha boca encostasse a tua, sibilando palavras que não somos capazes de entender, não nesse mundo... quando eu olhasse e pudesse sonhar de verdade que você me ama, e assim aqueles mesmos lençóis que sufocaram-me de tristeza em minhas noites de angústia sem fim seriam nossa sina, nosso incontestável amor... aonde eu poderia ser o romântico mais feliz que pudesse ser, e ainda assim tendo a graça de poder estar ao teu lado sem precisar implorar para Deus um dia só para provar o contestamento do amor... que não faz sentido visto de longe, que é inacreditável quando se olha para mim, como eu, um garoto que só fala besteira, pode ser romântico? Diria isso em cima das flores negras colocadas em meu túmulo, para lembrar que agora, o sangue que deveria escorrer entre minhas veias, até o coração... não existe mais, apenas um grande vazio escuro e sombrio, para lembrar que um dia você passou por aí... NADA RESTOU.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Texto publicado Originalmente em: Frases Feitas por Joohn - postado com a devida permissão.
Romantismo Idiota Romantismo Idiota Reviewed by Debora Gobor on 12/10/2011 05:25:00 PM Rating: 5

2 comentários:

  1. Repetindo: é uma honra ter um texto meu em teu blog (=
    Espero que seus visitantes gostem.

    ResponderExcluir
  2. Haha! Já gostaram querido!

    Obrigado Você!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela participação!
Em breve te responderemos!
Deixa o link do seu blog para eu te seguir, caso você me siga!
Ficarei muito feliz com sua participação!
Obrigada, Equipe S.Q.T.A

Sora Templates