BREAKING NEWS

Pra não dizer que eu mudei a toa...

Escrever ouvindo o barulho das ondas é a melhor sensação possível! O vento no rosto, a calma que tudo isso transpira, inspira. Me inspira a dizer tudo o que eu sinto, e da melhor forma, em texto. 
Mamãe queria te desejar parabéns, e ela sabia do que tinha acontecido com o "trio", e ela não te viu lá, e depois te viu abraçada.. o resto você e eu já sabemos! Eu ligo tanto para os seus sentimentos que você nunca demonstra. Conversei uma vez com a sua mãe sobre isso.. Você quase nunca fala dos seus rolos, uma ou outra coisa. E aí a gente se aproxima de novo, mais intensamente, e eu percebo, na verdade, minha mãe percebe que mais uma vez eu era apenas a última opção. E aqui, eu entendo. Desejando ir lá pro mar, e ficar andando sem direção, eu percebo que vocês se deram bem porque fazem a mesma coisa, gostam das mesmas pessoas, e de todo aquele mundo que eu acho nojento, nada confiante, e cheio de pessoas tão falsas, que vocês até sabem, mas relevam. Engraçado, vocês combinam. Apesar de não estarem "dentro" desse grupo, gostam de tudo aquilo. E eu não. Sou diferente, sempre. Foi mais fácil vocês "voltarem" a ser amigas, voltarem porque convém serem amigas. Feliz são vocês

O que se esperar de falsas ilusões? Cadê aquela amiga, que eu dei um anel que eu gostava TANTO pra ver o sorriso estampado no rosto, lias, um sorriso lindo! Qual foi o motivo pra me largarem assim? Me "esquecerem". Ignorarem-me! Foi plausível, mas dessa vez eu não consegui engolir, não consegui admitir. EU TE AJUDEI tanto! Te ligava e ficava quase uma hora no telefone, te distraindo, te alertando. Quem te ligou desesperada, naquele domingo ou sei lá que dia, te perguntando o que tinha acontecido com o seu romance "com o seu piazinho"! Quem? Ein? EU LIGUEI! Eu procurei saber, ajudar, alertar! 

Francamente, hoje eu entendo que nada se espera de amizades. Hoje em dia confiar soa tão fácil, e falso. Não consigo mais, não to querendo confiar. Não quero mais. 

A partir de hoje minha melhor amiga, será somente eu. Nada de BFF's. Se acha tão adulta, mas na primeira oportunidade fica toda orgulhosa como uma criança. O QUE FOI que eu te fiz? Você sempre se esquece DO QUE EU FIZ POR VOCÊ, e haje sem culpa, e esquece. Esquece de toda uma vida juntas, de toda uma história. Não venha com orgulho bobo pra mim, porque nas suas ameaças de fugir de casa, e todas aquelas histórias que você e eu sabemos, eu tava do seu lado. 

Incrível, eu sempre faço de tudo pra agradar todas, mas sempre tomo! Sempre! Posso dizer que são legais, mas não ligam com eu ligo. Não são verdadeiras como eu sou. Porque eu sou assim? Por quê? 

Dia 14 é uma data especial, e com certeza ficará eternizada em mim. Sinto tanto sua falta, e me pergunto se você leu essa frase que eu escrevi no seu caderno, na sala de aula, há algumas semanas, justamente quando todo mundo saiu da sala, menos eu. Pela última vez escrevi algo referente a você, e eternizo esse momento na minha vida! Nós terminamos faz uns 2 meses, mas você continua vivo em mim. Infelizmente. 

Mas preciso dizer que eu jamais duvido do destino, aquele que sempre esteve comigo. ah! Incrível como me surpreendo, e mais incrível ainda é quando o passado volta, pra "curar" as feridas que foram deixadas. Algumas mágoas eu superei, e preciso dizer, eu perdoei de coração. Na verdade, se eu te mandei, foi porque eu quis. Eu fiz aquilo. Então, a culpa é toda minha também. 

Em compensação receber do passado um ex-futuro amor é algo precioso. Porém perigoso. O que se esperar de alguém que você já amou, já fez juras de amor, já beijou, namorou.. se importou? O que esperar de alguém que já te magoou demais, alguém que te prometeu a lua, mas nem se importou em acabar tudo e viver uma nova vida? O que esperar de mim, que ressuscitei um amor, e felizmente, consigo-o manter firme no meu coração! Ah, eu amo, não inteiramente. Não ainda. 

E o que se esperar de amizades devastadas, e inimigas virarem amigas? Essa é uma ótima questão: pela primeira vez, não foi eu quem fez besteira. Sentir que suas 3 melhores amigas mudaram, e não te incluíram na área vip do momento! Quanto orgulho pra tanta besteira! 

E aqui.. Ouvindo esse mar incrível, meu único pedido é não voltar mais para aquela cidade que eu nunca quis sair. Não quero mais as mesmas pessoas. Não quero me sentir a última, e não quero mais tomar as dores de vocês. De todos vocês. 

Aqui, eu queria a Paulinha. Nunca gosto de "inha" em qualquer palavra, mas a Paulinha é tão ÃO, que é ela que eu quero perto de mim. Aqui, sentada na garagem, eu me lembro dela, e lembro-me de tudo que eu contei pra ela em uma noite, coisas que vocês sabem, mas que não dão valor como ela deu. Segredos bobos, nada interessantes, que hoje voltaram a fazer parte da minha vida, e que vocês continuam, sem dar valor. E olha que eu a conheci "do nada". E ficamos amigas, "do nada". 

E chega de dilemas, apesar de adorar um. Eu quero ser feliz. E eu vou. E acho que vai ser longe de vocês. In-felizmente. IN porque eu amo vocês. Felizmente porque eu não quero mais sofrer, se sentir a última opção.
Bora ser feliz, quando esse texto for publicado, todos os meus sentimentos ficaram novos novamente, e eu vou dormir em paz porque eu preciso que tudo mude. Preciso. 


Aliás, não digam que eu não mudei a toa...
Pra não dizer que eu mudei a toa...  Pra não dizer que eu mudei a toa... Reviewed by Debora Gobor on 10/15/2012 09:57:00 PM Rating: 5

2 comentários:

Muito obrigada pela participação!
Em breve te responderemos!
Deixa o link do seu blog para eu te seguir, caso você me siga!
Ficarei muito feliz com sua participação!
Obrigada, Equipe S.Q.T.A

Sora Templates